Microplásticos são encontrados no sangue humano pela primeira vez

O uso excessivo do plástico ameaça a saúde humana e o planeta. O material pode se quebrar em minúsculas partículas de microplásticos que se espalham e fixam no ambiente e no corpo humano. Microplásticos já foram identificados em órgãos e, pela primeira vez, foram detectados no sangue humano.


A pesquisa publicada na Environment International analisou amostras de sangue de 22 adultos saudáveis. As partículas de plástico foram encontradas na corrente sanguínea de 17 pessoas. Ou seja, quase 80% das pessoas testadas apresentaram partículas de microplásticos no sangue.


Os cientistas conseguiram ainda identificar os tipos de plástico encontrados nas amostras: metade continha plástico PET, usado em garrafas de bebidas, um terço continha poliestireno, usado para embalar alimentos e outros produtos, e um quarto continha polietileno, material das sacolas plásticas.


“A produção de plástico deve dobrar até 2040 e temos o direito de saber o que todo esse plástico está fazendo com nossos corpos”, endossa Jo Royle, fundadora Common Seas, instituição que trabalha para reduzir a poluição plástica.


O que você e sua empresa podem fazer para diminuir o impacto ambiental? Você sabe como desenvolver seu negócio sustentavelmente aplicando a política ESG? Agende uma consulta com um especialista gratuitamente clicando no link abaixo, vamos juntos mudar o mundo.

https://app.pipefy.com/public/form/rtAZHr2Z


#grupolegalizar #esg #sustentabilidade #consultoriaambiental


4 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo